Arquitetura para loja infantil.

O público infanto-juvenil é um mercado consumidor crescente. As crianças brasileiras influenciam 80% das decisões de compra de uma família (segundo pesquisa da TNS/InterScience, outubro de 2003). Cada vez mais cedo elas estão decidindo o que querem ter e usar, desta forma, uma loja que queira atingir esse público, deve ser pensada e projetada especialmente para elas. Diferentemente de outros comércios que podem focar em um único tipo de consumidor, as lojas infantis tem que agradar tanto as crianças quanto os adultos. Pais/responsáveis e filhos têm que se sentir confortáveis, e ter facilidade para circular e acessar os produtos. A arquitetura interna […]

Continue Reading

Ótica com personalidade!

Quando pensamos numa ótica, vem à mente a imagem de um espaço bem organizado e com prateleiras para expor os óculos não é mesmo? Imaginamos muita iluminação, mesas de atendimento e espelhos. Então, realmente nós precisamos de uma ótica bem iluminada, cadeiras e prateleiras, mas porque a maioria das óticas que conhecemos tem uma estrutura tão engessada e comum? A grande parte do produto comercializado tem muito estilo e personalidade, já passamos da hora de mudar a cara das óticas e deixá-las muito mais em contato com o cliente. A Iluminação é essencial, pois além dos óculos de sol, também […]

Continue Reading

Acessórios como “O principal”.

“Significado de Acessório: adj.Que segue ou acompanha o principal; que é menos importante, secundário.” Quando pensamos em acessórios logo imaginamos peças pequenas, não está errado, geralmente uma loja de acessórios vende colares, pulseiras, anéis… no máximo acessórios um pouco maiores como bolsas, lenços e chapéus. Até ai o significado faz jus a palavra! Mas quando tornamos o acessório produto de uma loja, ai ele vai ser “O Principal”! E estamos dizendo isso porque independente do papel que ele fará na casa do consumidor, dentro da sua loja ele que deve mandar! Mas como assim mandar? Toda atenção de quem entrar […]

Continue Reading

Fachadas que conectam

A fachada é o primeiro elemento de contato entre o cliente e a loja, por tanto é necessário causar uma boa primeira impressão e se conectar com o cliente. Para isso voltaremos a bater na tecla do público-alvo, pois realmente é primeiro nele que devemos pensar para decidir qualquer elemento para o projeto. A fachada de todo estabelecimento comercial precisa identificar-se com os clientes que deseja atingir, precisa mostrar ao público qual é o seu ramo de negócio, gerar curiosidade e instigar o potencial cliente a entrar. As fachadas abrigam na maior parte das vezes as Vitrines, essa é uma […]

Continue Reading